Search
segunda-feira 5 dezembro 2016
  • :
  • :

Marketing de Relacionamento é coisa séria

O Marketing de Relacionamento é uma ideia excelente

Na busca da fidelidade dos consumidores e clientes as empresas usam e abusam das nomenclaturas, que muitas vezes não refletem a realidade das suas atitudes.

O Marketing de Relacionamento é uma ideia excelente, mas a sua execução em muitos casos deixa a desejar. Como o próprio nome diz relacionamento envolve respeito, algo amigável, carinhoso e até amoroso, quando tudo isso acaba diríamos que a relação chegou ao fim, concordam? Algumas empresas pecam nessa relação com seus bens mais preciosos: os consumidores/clientes. Uma surpresa dentro de qualquer relacionamento só é bem-vinda quando agrega, proporciona sentimentos e valores, caso ela não cumpra esses papéis torna-se algo decepcionante, o que pode acarretar um estremecimento na relação.

Vamos a alguns fatos que revelam tal situação. Por exemplo, você permanece – mesmo com todos os assédios – leal a uma marca de veículo por quatro anos, quando você decide trocar de carro, procura uma concessionária da referida marca e ouve a seguinte frase: “Nós não compramos seu carro, portanto ele não pode fazer parte da negociação” ou então oferecem pelo seu veículo – que foi super bem cuidado por você – um preço extremamente depreciativo, o que em suma, demonstra uma total desvalorização da marca. Então você raciocina: “Puxa se eles não confiam no seu próprio produto, quem deveria confiar?”

Outro exemplo, que reflete bem esse total desrespeito aos consumidores é aquele das Operadoras de Cartões de Crédito. Depois de 20 anos pagando anuidade – muitas vezes tendo que negociar os valores – uma vez que, as importâncias beiram à exploração econômica- o seu colega acaba sendo agraciado com a liberação da anuidade para aceitar um cartão da mesma bandeira que a sua. Tudo isso, em nome de uma estratégia para aumentar o universo de clientes/usuários.

Olhando para esses exemplos, chegamos a conclusão que para o Marketing de Relacionamento não tornar-se apenas mais uma terminologia da moda é preciso procurar entender melhor os consumidores, seus sentimentos e desejos, pois o leão pode despertar e usar sua ira com quem jamais fez por ele algo de reconhecido valor.

5.00 avg. rating (98% score) - 7 votes


Luis Carlos Zarpelon

Ex gerente de marketing da Coca Cola, professor de marketing e consultor de marketing e comunicação.


Loading Facebook Comments ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*