Search
terça-feira 6 dezembro 2016
  • :
  • :

O mercado mudou e a culpa é da sua mãe!

No segundo domingo de Maio, dia 08 para ser mais exato, comemoramos o dia das mães. Uma data muito especial, afinal mãe a gente sempre sabe quem é! Não estou dizendo que seu pai é outra pessoa, até porque também tenho meu filho, mas mãe não tem como errar, nós saímos de dentro dela.

As empresas fizeram vários comerciais e videos para homenagear as nossas amadas mamães, e tenho certeza que nós, filhos e maridos, fizemos surpresas, abraçamos por mais tempo ou demos um beijo com mais carinho. Agora reparem no tom amoroso e envolvente de algumas empresas:

Apple

Renner

JetBlue

Não vou entrar no mérito do conceito, ou criatividade nas idéias, porem vamos ser sinceros, onde estão os produtos, os preços, onde e como comprar? Sumiu tudo, agora é literalmente uma mensagem ou uma ação bacana. Mas vamos lembrar que o dia das mães é a segunda data de maior vendas do comércio, perdendo apenas para o natal, as empresas não querem mais se preocupar em vender?

A resposta obviamente é NÃO. Para entender onde quero chegar basta avaliar o que esta acontecendo em volta. Não foi a propaganda ou estratégia de marketing que mudou, na verdade a maior mudança foi a Mãe. Mas a minha mãe é igual a anos?! A minha também, mas o que você deu de presente este ano? Alguém aqui deu um jogo de panelas para mãe? Antes de me chamarem de machista, alguém sabe o preço de um jogo de panelas top, pode colocar acima de R$ 500,00, aposto que você gastou menos que isto com seu presente?

Obviamente que o valor de um presente não é apenas o dinheiro, mas estou apenas tentando mostrar uma movimentação de mercado. A mãe, mulher e esposa mudaram, agora elas trabalham fora, ajudam no orçamento da família e tomam decisões importantes todos os dias. Em resumo o homem, marido e filhos perceberam isto, e o presente de hoje tem que ser algo mais pessoal e de utilidade exclusiva.

Mas antigamente o presente do dia das mães era algo para família. Comprávamos geladeiras, fogões, microondas, jogos de panela e a mãe gostava. Isto não é uma critica, apenas uma mudança de gerações. A mulher que cuida da casa, utilizava e administrava todos estes produtos, portanto o presente era principalmente para ela. Não tem jogo de certo ou errado é apenas a mudança de mercado, ou você não foi almoçar na casa da sua vó porque ela ainda faz comida para todo mundo?!

Agora vamos a conclusão desta bagunça, a mamãe mudou, e com ela mudou o ticket médio de consumo, as pessoas gastam menos, pois agora o presente é individualizado e a média de consumo fica em torno de R$ 100,00 a R$ 200,00, e quanto custa uma geladeira? Antigamente se gastava mais nesta época, e sem contar que a industria de linha branca teve que se adaptar a mudança de consumo.

Mas o mercado é criativo galera, me digam a quanto tempo existe Black Friday brasileira? Quando uma data importante do mercado diminui o consumo, precisamos inventar outro motivo para as pessoas comprarem. É importante que um estrategista de marketing ou empreendedor fiquem atentos com estas movimentações, afinal são nestes momentos que surgem as maiores oportunidades.

A culpa ainda é da sua mãe por tudo isto, mas cabe a você entender e inovar no mercado “full time”. E da que seu pai também apronta alguma coisa?!

4.33 avg. rating (90% score) - 3 votes


Carlos Coelho

Diretor Executivo da Consultoria Nova Educa e Professor de Marketing e Empreendedorismo


Loading Facebook Comments ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*